Siga nos
Vagas Concursos

Identificamos nos últimos dias:

-Trabajando.com.br -> 11 anúncios


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos do Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT), nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) para licenciado ou mestre, tal como definido no artigo 9.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT disponíveis nos sites da FCT e do LNEC. 4. Objeto de atividade O bolseiro participará em atividades de apoio à gestão financeira de programas de ciência, tecnologia e inovação, com vista a proporcionar formação complementar na observação e monitorização de instituições do sistema científico e tecnológico, conforme disposto no nº 1 do artigo 9º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País ou Estrangeiro. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se licenciados ou mestres em economia ou gestão. Os candidatos têm de ser fluentes em língua portuguesa e ter bons conhecimentos de língua inglesa. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Orientação científica A orientação das atividades será assegurada pela coordenadora do Gabinete de Gestão de Projetos, Investigadora Auxiliar Paula Margarida Carvalho Marques Couto. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 752,38 ou de ? 989,70, respetivamente para licenciado ou mestre. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção Será efetuada uma pré-seleção com base na avaliação da documentação enviada ao LNEC. Aos candidatos pré-selecionados serão realizadas entrevistas. Os principais critérios de seleção serão análise curricular, motivação, adequação entre o perfil do candidato e os objetivos da bolsa e a experiência relevante para a atividade em questão. O júri poderá não atribuir a bolsa se o perfil e os resultados da avaliação dos candidatos não alcançarem os objetivos requeridos. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Carlos Alberto de Brito Pina ? presidente do conselho diretivo do LNEC; Vogais efetivos: Paula Margarida Carvalho Marques Couto ? investigadora auxiliar, coordenadora do Gabinete de Gestão de Projetos; Pedro Filipe Puga da Fonseca Velo ? técnico superior de recursos humanos; 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Certificados comprovativos do mestrado com indicação (i) das médias obtidas na licenciatura e no mestrado ou no mestrado integrado, se for esse o caso, (300 ECTS ? European Credit Transfer System), (ii) do número de ECTS ou dos anos de formação curricular da licenciatura e do mestrado, e (iii) da classificação obtida em cada disciplina. Devem sempre ser apresentados os certificados das habilitações académicas exigidas neste concurso (ou sua fotocópia), mesmo se os candidatos possuírem habilitações superiores. - Curriculum Vitae detalhado. - Formulário de candidatura ? obtido online na área de Recrutamento do LNEC, ou solicitado ao LNEC (DSRHL/DIGP) no horário de expediente (9:00 ? 12:30, 14:00 ? 17:30). - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados, considerados relevantes para as atividades previstas na bolsa. Os documentos podem ser apresentados em português. 12. Receção de candidaturas A receção de candidaturas decorrerá entre 12 e 25 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas podem ser entregues em mão no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Setor de Arquivo e Expediente Geral, Avenida do Brasil 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso, contando para efeitos de cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Em ambos os casos, deverão obrigatoriamente ser recebidas em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Gestão de Projetos?. As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao termo do prazo limite para recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através dos telefones 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não-residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Concurso para atribuição de uma bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT)


Bragança, Bragana (pt)

PATRICIO AFONSO LDA

Anunciado no site Trabajando.com.br - de concursos públicos e contabilidade. Esta oferta de estágio está inserida no PROGRAMA DE BOLSAS ESTÁGIOS do SANTANDER UNIVERSIDADES, programa promovido pelo Banco Santander para promoção da ligação Universidade - Empresa! Para ver se a tua Instituição de Ensino Superior já aderiu ao programa e podes participar acede a bolsasdeestagiosantander.pt/. Candidata-te já! Colaborador/a para desempenhar funções de gestão para controlo de faturação, gestão de concursos públicos e contabilidade.

Vagas de gestao e contabilidade


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos do Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Relações Públicas, nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) para licenciado, tal como definido no artigo 9.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT disponíveis nos sites da FCT e do LNEC. 4. Objeto de atividade O bolseiro participará em atividades da área funcional de Relações Públicas e Técnicas, com vista a obter formação numa instituição relevante para o sistema científico e tecnológico, conforme disposto no nº 1 do artigo 9º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País ou Estrangeiro. 6. Perfil do candidato Poderão candidatar-se licenciados em Comunicação Empresarial/Organizacional, Relações Públicas ou em áreas afins. Os candidatos têm de ser fluentes em língua portuguesa e inglesa, dando-se preferência aos candidatos que possuam ainda conhecimentos de língua francesa. Deverão ainda possuir boa capacidade de comunicação e grande apetência para o contacto com o público. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro 7. Orientação científica A orientação das atividades será assegurada pela coordenadora do Gabinete de Relações Públicas e Técnicas, Maria Manuela Monteiro Antunes França Martins. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 752,38. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção Será efetuada uma pré-seleção com base na avaliação da documentação enviada ao LNEC. Aos candidatos pré-selecionados será realizada a avaliação curricular e entrevistas. Os principais critérios de seleção serão a adequação entre o perfil do candidato e os objetivos da bolsa; motivação e experiência relevante para a atividade em questão; formação complementar específica na área em que vai trabalhar. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Maria de Lurdes Baptista da Costa Antunes ? vogal do Conselho Diretivo; Vogais efetivos: Maria Manuela Monteiro Antunes França Martins ? técnica superior, coordenadora do Gabinete de Relações Públicas e Técnicas; Pedro Filipe Puga da Fonseca Velo ? técnico superior de recursos humanos. 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Certificados comprovativos das habilitações académicas exigidas neste concurso, com indicação da média obtida e da classificação obtida nas várias disciplinas. Devem sempre ser apresentados os certificados das habilitações académicas exigidas neste concurso (ou sua fotocópia), mesmo se os candidatos possuírem habilitações superiores. - Curriculum Vitae detalhado. - Formulário de candidatura ? obtido na área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou solicitado ao LNEC (DSRHL/DIGP) no horário de expediente (9:00 ? 12:30, 14:00 ? 17:30). - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados, considerados relevantes para as atividades previstas na bolsa. Os documentos podem ser apresentados em português. 12. Receção de candidaturas A receção de candidaturas decorrerá entre 15 a 26 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas podem ser entregues em mão no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Setor de Arquivo e Expediente Geral, Avenida do Brasil 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso, contando para efeitos de cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Em ambos os casos, deverão obrigatoriamente ser recebidas em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Relações Públicas?, As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao termo do prazo limite para recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através dos telefones 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não-residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia na área de Relações Públicas


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos do Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Relações Públicas, nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) para licenciado, tal como definido no artigo 9.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT disponíveis nos sites da FCT e do LNEC. 4. Objeto de atividade O bolseiro participará em atividades da área funcional de Relações Públicas e Técnicas, com vista a obter formação numa instituição relevante para o sistema científico e tecnológico, conforme disposto no nº 1 do artigo 9º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País ou Estrangeiro. 6. Perfil do candidato Poderão candidatar-se licenciados em Comunicação Empresarial/Organizacional, Relações Públicas ou em áreas afins. Os candidatos têm de ser fluentes em língua portuguesa e inglesa, dando-se preferência aos candidatos que possuam ainda conhecimentos de língua francesa. Deverão ainda possuir boa capacidade de comunicação e grande apetência para o contacto com o público. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro 7. Orientação científica A orientação das atividades será assegurada pela coordenadora do Gabinete de Relações Públicas e Técnicas, Maria Manuela Monteiro Antunes França Martins. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 752,38. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção Será efetuada uma pré-seleção com base na avaliação da documentação enviada ao LNEC. Aos candidatos pré-selecionados será realizada a avaliação curricular e entrevistas. Os principais critérios de seleção serão a adequação entre o perfil do candidato e os objetivos da bolsa; motivação e experiência relevante para a atividade em questão; formação complementar específica na área em que vai trabalhar. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Maria de Lurdes Baptista da Costa Antunes ? vogal do Conselho Diretivo; Vogais efetivos: Maria Manuela Monteiro Antunes França Martins ? técnica superior, coordenadora do Gabinete de Relações Públicas e Técnicas; Pedro Filipe Puga da Fonseca Velo ? técnico superior de recursos humanos. 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Certificados comprovativos das habilitações académicas exigidas neste concurso, com indicação da média obtida e da classificação obtida nas várias disciplinas. Devem sempre ser apresentados os certificados das habilitações académicas exigidas neste concurso (ou sua fotocópia), mesmo se os candidatos possuírem habilitações superiores. - Curriculum Vitae detalhado. - Formulário de candidatura ? obtido na área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou solicitado ao LNEC (DSRHL/DIGP) no horário de expediente (9:00 ? 12:30, 14:00 ? 17:30). - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados, considerados relevantes para as atividades previstas na bolsa. Os documentos podem ser apresentados em português. 12. Receção de candidaturas A receção de candidaturas decorrerá entre 15 a 26 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas podem ser entregues em mão no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Setor de Arquivo e Expediente Geral, Avenida do Brasil 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso, contando para efeitos de cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Em ambos os casos, deverão obrigatoriamente ser recebidas em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Relações Públicas?, As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao termo do prazo limite para recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através dos telefones 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não-residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers

Vagas de Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Relações Públicas


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos do Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT), nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) para licenciado ou mestre, tal como definido no artigo 9.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT disponíveis nos sites da FCT e do LNEC. 4. Objeto de atividade O bolseiro participará em atividades de apoio à gestão financeira de programas de ciência, tecnologia e inovação, com vista a proporcionar formação complementar na observação e monitorização de instituições do sistema científico e tecnológico, conforme disposto no nº 1 do artigo 9º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País ou Estrangeiro. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se licenciados ou mestres em economia ou gestão. Os candidatos têm de ser fluentes em língua portuguesa e ter bons conhecimentos de língua inglesa. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Orientação científica A orientação das atividades será assegurada pela coordenadora do Gabinete de Gestão de Projetos, Investigadora Auxiliar Paula Margarida Carvalho Marques Couto. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 752,38 ou de ? 989,70, respetivamente para licenciado ou mestre. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção Será efetuada uma pré-seleção com base na avaliação da documentação enviada ao LNEC. Aos candidatos pré-selecionados serão realizadas entrevistas. Os principais critérios de seleção serão análise curricular, motivação, adequação entre o perfil do candidato e os objetivos da bolsa e a experiência relevante para a atividade em questão. O júri poderá não atribuir a bolsa se o perfil e os resultados da avaliação dos candidatos não alcançarem os objetivos requeridos. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Carlos Alberto de Brito Pina ? presidente do conselho diretivo do LNEC; Vogais efetivos: Paula Margarida Carvalho Marques Couto ? investigadora auxiliar, coordenadora do Gabinete de Gestão de Projetos; Pedro Filipe Puga da Fonseca Velo ? técnico superior de recursos humanos; 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Certificados comprovativos do mestrado com indicação (i) das médias obtidas na licenciatura e no mestrado ou no mestrado integrado, se for esse o caso, (300 ECTS ? European Credit Transfer System), (ii) do número de ECTS ou dos anos de formação curricular da licenciatura e do mestrado, e (iii) da classificação obtida em cada disciplina. Devem sempre ser apresentados os certificados das habilitações académicas exigidas neste concurso (ou sua fotocópia), mesmo se os candidatos possuírem habilitações superiores. - Curriculum Vitae detalhado. - Formulário de candidatura ? obtido online na área de Recrutamento do LNEC, ou solicitado ao LNEC (DSRHL/DIGP) no horário de expediente (9:00 ? 12:30, 14:00 ? 17:30). - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados, considerados relevantes para as atividades previstas na bolsa. Os documentos podem ser apresentados em português. 12. Receção de candidaturas A receção de candidaturas decorrerá entre 12 e 25 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas podem ser entregues em mão no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Setor de Arquivo e Expediente Geral, Avenida do Brasil 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso, contando para efeitos de cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Em ambos os casos, deverão obrigatoriamente ser recebidas em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) na área de Gestão de Projetos?. As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao termo do prazo limite para recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através dos telefones 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não-residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT)


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - , encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de investigação (BI) para mestre, no âmbito AVISO ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE INVESTIGAÇÃO (BI) NO ÂMBITO DO PROJETO CERTIFICAÇÃO ENERGÉTICA DE EDIFÍCIOS Nos termos de Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de investigação (BI) para mestre, no âmbito do projeto Certificação Energética de Edifícios, nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será uma Bolsa de Investigação (BI) para mestre, tal como definido no artigo 7.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente prorrogável até ao limite máximo de duração do projeto. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT disponíveis nos sites da FCT e do LNEC. 4. Objeto de atividade As atividades consistem na auditoria energética de edifícios, análise e processamento dos dados e simulação energética de edifícios. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se mestres em Engenharia Mecânica, Engenharia Energia e Ambiente, Engenharia Eletrónica ou em áreas afins. São condições preferenciais a motivação para o desenvolvimento das atividades mencionadas em 4, uma sólida formação em eficiência energética de edifícios, em modelação numérica e em programação. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Orientação científica A orientação das atividades será assegurada pelo investigador auxiliar Armando Teófilo dos Santos Pinto, do Núcleo de Acústica, Iluminação, Componentes e Instalações do Departamento de Edifícios do LNEC. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreenderá um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 989,70). O bolseiro beneficiará ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção Será efetuada uma pré-seleção com base na avaliação da documentação enviada ao LNEC. Aos candidatos pré-selecionados serão realizadas entrevistas. Os principais critérios de seleção serão o mérito académico e científico, a adequação do perfil do candidato aos objetivos da bolsa, a motivação e a experiência relevante para o projeto em questão. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Jorge Viçoso Patrício, investigador principal com agregação do LNEC Vogais efetivos: Armando Teófilo dos Santos Pinto, investigador auxiliar do LNEC Fernando Vítor Marques da Silva, investigador auxiliar do LNEC Vogal suplente: Paulo Filipe de Sousa Figueiredo Machado, investigador auxiliar do LNEC 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Certificados comprovativos do mestrado com indicação (i) das médias obtidas na licenciatura e no mestrado ou no mestrado integrado (300 ECTS ? European Credit Transfer System), (ii) do número de ECTS ou dos anos de formação curricular da licenciatura e do mestrado, e (iii) da classificação obtida em cada disciplina. Devem sempre ser apresentados os certificados das habilitações académicas exigidas neste concurso (ou sua fotocópia), mesmo se os candidatos possuírem habilitações superiores. - Curriculum Vitae detalhado. - Formulário de candidatura obtido na área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou solicitado ao LNEC (DSRHL/DIGP) no horário de expediente (9:00 ? 12:30, 14:00 ? 17:30). - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados, considerados relevantes para as atividades previstas no projeto. Os documentos podem ser apresentados em português ou em inglês. 12. Receção de candidaturas A receção de candidaturas decorrerá entre 16 e 29 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas podem ser entregues em mão no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Setor de Arquivo e Expediente Geral, Avenida do Brasil 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso, contando para efeitos de cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Em ambos os casos, deverão obrigatoriamente ser recebidas em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação para mestre, no âmbito do projeto ?Certificação Energética de Edifícios ". As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao termo do prazo limite para recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através dos telefones 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não-residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis em no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa de investigação (BI) para mestre, no âmbito do projeto Certificação Energética de Edifícios


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - , encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de investigação (BI) para mestre, no âmbito AVISO ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE INVESTIGAÇÃO (BI) NO ÂMBITO DO PROJETO CERTIFICAÇÃO ENERGÉTICA DE EDIFÍCIOS Nos termos de Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de investigação (BI) para mestre, no âmbito do projeto Certificação Energética de Edifícios, nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será uma Bolsa de Investigação (BI) para mestre, tal como definido no artigo 7.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente prorrogável até ao limite máximo de duração do projeto. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT disponíveis nos sites da FCT e do LNEC. 4. Objeto de atividade As atividades consistem na auditoria energética de edifícios, análise e processamento dos dados e simulação energética de edifícios. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se mestres em Engenharia Mecânica, Engenharia Energia e Ambiente, Engenharia Eletrónica ou em áreas afins. São condições preferenciais a motivação para o desenvolvimento das atividades mencionadas em 4, uma sólida formação em eficiência energética de edifícios, em modelação numérica e em programação. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Orientação científica A orientação das atividades será assegurada pelo investigador auxiliar Armando Teófilo dos Santos Pinto, do Núcleo de Acústica, Iluminação, Componentes e Instalações do Departamento de Edifícios do LNEC. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreenderá um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 989,70). O bolseiro beneficiará ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção Será efetuada uma pré-seleção com base na avaliação da documentação enviada ao LNEC. Aos candidatos pré-selecionados serão realizadas entrevistas. Os principais critérios de seleção serão o mérito académico e científico, a adequação do perfil do candidato aos objetivos da bolsa, a motivação e a experiência relevante para o projeto em questão. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Jorge Viçoso Patrício, investigador principal com agregação do LNEC Vogais efetivos: Armando Teófilo dos Santos Pinto, investigador auxiliar do LNEC Fernando Vítor Marques da Silva, investigador auxiliar do LNEC Vogal suplente: Paulo Filipe de Sousa Figueiredo Machado, investigador auxiliar do LNEC 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Certificados comprovativos do mestrado com indicação (i) das médias obtidas na licenciatura e no mestrado ou no mestrado integrado (300 ECTS ? European Credit Transfer System), (ii) do número de ECTS ou dos anos de formação curricular da licenciatura e do mestrado, e (iii) da classificação obtida em cada disciplina. Devem sempre ser apresentados os certificados das habilitações académicas exigidas neste concurso (ou sua fotocópia), mesmo se os candidatos possuírem habilitações superiores. - Curriculum Vitae detalhado. - Formulário de candidatura obtido na área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou solicitado ao LNEC (DSRHL/DIGP) no horário de expediente (9:00 ? 12:30, 14:00 ? 17:30). - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados, considerados relevantes para as atividades previstas no projeto. Os documentos podem ser apresentados em português ou em inglês. 12. Receção de candidaturas A receção de candidaturas decorrerá entre 16 e 29 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas podem ser entregues em mão no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, Setor de Arquivo e Expediente Geral, Avenida do Brasil 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso, contando para efeitos de cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Em ambos os casos, deverão obrigatoriamente ser recebidas em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação para mestre, no âmbito do projeto ?Certificação Energética de Edifícios ". As candidaturas podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao termo do prazo limite para recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através dos telefones 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não-residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis em no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa de investigação (BI) para mestre, no âmbito do projeto Certificação Energética de Edifícios


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - -se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos AVISO BOLSAS LNEC DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA - Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos? Nos termos de Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, publicado no Diário da República nº 58, II Série, de 9 de Março de 2004 (Aviso nº 3089/2004), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será uma bolsa de Pós-doutoramento, conforme referido no artigo 7º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 2. Duração A bolsa terá a duração de 1 ano eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, e no artigo 31º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 4. Objeto de atividade O bolseiro terá a oportunidade de atualizar a sua formação científica e adquirir ou consolidar a sua formação tecnológica, através da participação em projetos de investigação e desenvolvimento, completada pela intervenção noutras atividades científicas e técnicas, de acordo com o nº 1 do artigo 7º do citado Regulamento, designadamente em atividades de I&D no âmbito dos túneis e da liquefação dos solos. Salientam-se, em particular, os estudos dos efeitos da liquefação nos maciços de fundação deste tipo de estruturas e de outras e de medidas de mitigação específicas, com destaque para o desenvolvimento de estudos experimentais e modelos numéricos, bem como de desenvolvimento de modelos constitutivos aplicáveis. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se indivíduos doutorados em Engenharia Civil. São condições de preferência a experiência de investigação em controlo de segurança e análises de risco de estruturas geotécnicas e em estudos nos domínios referidos em 4. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Supervisão científica A supervisão das atividades será assegurada pela investigadora coordenadora Laura Maria Mello Saraiva Caldeira do Departamento de Geotecnia do LNEC. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 2.085,00 e um subsídio diário de alimentação no montante de ? 4,77. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção De acordo com o regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, os métodos de seleção basear-se-ão na avaliação curricular e na entrevista de seleção; os critérios de seleção serão o mérito científico e a motivação demonstrados no decurso da aplicação dos métodos de seleção. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Carlos Alberto de Brito Pina, investigador coordenador; Vogais efetivos: Laura Maria Mello Saraiva Caldeira, investigador coordenadora; Alfredo Peres de Noronha Campos Costa, investigador principal; João Manuel Candeias Simão Portugal, investigador principal. 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Documentos comprovativos de que o candidato reúne as condições exigíveis para o respetivo tipo de bolsa, nomeadamente certificado (ou fotocópia simples) comprovativo do doutoramento e das classificações em todas as disciplinas da licenciatura e do mestrado ou pós-graduação, e uma cópia dos trabalhos científicos relevantes. - Curriculum vitae detalhado, que deverá evidenciar a experiência nas áreas de trabalho acima mencionadas, bem como enunciar os interesses pessoais de investigação nessas áreas. - Formulário aplicável a retirar da área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou a solicitar na Direção de Serviços de Recursos Humanos e Logística do LNEC, no horário normal de expediente (das 9:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30); - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados. 12. Receção das candidaturas A receção de candidaturas decorre entre 15 e 26 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas deverão obrigatoriamente ser entregues em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa LNEC de Pós-doutoramento na área científica Mecânica dos Solos?, diretamente no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, no Setor de Arquivo e Expediente Geral, sito na Avenida do Brasil, 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso contando para efeitos do cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao prazo limite para: recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através do telefone 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa LNEC de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - -se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos AVISO BOLSAS LNEC DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA - Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos? Nos termos de Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, publicado no Diário da República nº 58, II Série, de 9 de Março de 2004 (Aviso nº 3089/2004), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será uma bolsa de Pós-doutoramento, conforme referido no artigo 7º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 2. Duração A bolsa terá a duração de 1 ano eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, e no artigo 31º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 4. Objeto de atividade O bolseiro terá a oportunidade de atualizar a sua formação científica e adquirir ou consolidar a sua formação tecnológica, através da participação em projetos de investigação e desenvolvimento, completada pela intervenção noutras atividades científicas e técnicas, de acordo com o nº 1 do artigo 7º do citado Regulamento, designadamente em atividades de I&D no âmbito dos túneis e da liquefação dos solos. Salientam-se, em particular, os estudos dos efeitos da liquefação nos maciços de fundação deste tipo de estruturas e de outras e de medidas de mitigação específicas, com destaque para o desenvolvimento de estudos experimentais e modelos numéricos, bem como de desenvolvimento de modelos constitutivos aplicáveis. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se indivíduos doutorados em Engenharia Civil. São condições de preferência a experiência de investigação em controlo de segurança e análises de risco de estruturas geotécnicas e em estudos nos domínios referidos em 4. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Supervisão científica A supervisão das atividades será assegurada pela investigadora coordenadora Laura Maria Mello Saraiva Caldeira do Departamento de Geotecnia do LNEC. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 2.085,00 e um subsídio diário de alimentação no montante de ? 4,77. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção De acordo com o regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, os métodos de seleção basear-se-ão na avaliação curricular e na entrevista de seleção; os critérios de seleção serão o mérito científico e a motivação demonstrados no decurso da aplicação dos métodos de seleção. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Carlos Alberto de Brito Pina, investigador coordenador; Vogais efetivos: Laura Maria Mello Saraiva Caldeira, investigador coordenadora; Alfredo Peres de Noronha Campos Costa, investigador principal; João Manuel Candeias Simão Portugal, investigador principal. 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Documentos comprovativos de que o candidato reúne as condições exigíveis para o respetivo tipo de bolsa, nomeadamente certificado (ou fotocópia simples) comprovativo do doutoramento e das classificações em todas as disciplinas da licenciatura e do mestrado ou pós-graduação, e uma cópia dos trabalhos científicos relevantes. - Curriculum vitae detalhado, que deverá evidenciar a experiência nas áreas de trabalho acima mencionadas, bem como enunciar os interesses pessoais de investigação nessas áreas. - Formulário aplicável a retirar da área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou a solicitar na Direção de Serviços de Recursos Humanos e Logística do LNEC, no horário normal de expediente (das 9:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30); - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados. 12. Receção das candidaturas A receção de candidaturas decorre entre 15 e 26 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas deverão obrigatoriamente ser entregues em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa LNEC de Pós-doutoramento na área científica Mecânica dos Solos?, diretamente no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, no Setor de Arquivo e Expediente Geral, sito na Avenida do Brasil, 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso contando para efeitos do cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao prazo limite para: recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através do telefone 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Mecânica dos Solos


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - , encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia AVISO BOLSAS LNEC DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA - Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção? Nos termos de Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, publicado no Diário da República nº 58, II Série, de 9 de Março de 2004 (Aviso nº 3089/2004), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será uma bolsa de Pós-doutoramento, conforme referido no artigo 7º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 2. Duração A bolsa terá a duração de 1 ano eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, e no artigo 31º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 4. Objeto de atividade O bolseiro terá a oportunidade de atualizar a sua formação científica e adquirir ou consolidar a sua formação tecnológica, através da participação em projetos de investigação e desenvolvimento, completada pela intervenção noutras atividades científicas e técnicas, de acordo com o nº 1 do artigo 7º do citado Regulamento, designadamente em atividades de I&D no âmbito da economia e gestão da construção. Salientam-se em particular os estudos de análises técnico-económicas baseados no conceito do custo do ciclo de vida de empreendimenetos da construção, bem como o apoio a atividades relacionadas com o desenvolvimento de bases de dados de custos das diversas fases do ciclo de vida (construção, operação, manutenção, reparação, substituição, reabilitação, consumos de energia e de água, descontrução, reciclagem e eliminação final) com indicadores económicos de referência, que promovam estratégias de benchmarking e que permitam apoiar processos de tomada de decisão sobre investimentos futuros. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se indivíduos doutorados em Engenharia Civil. São condições de preferência a experiência de investigação em análises do custo do ciclo de vida integradas na atividade de gestão de edifícios e em estudos nos domínios referidos em 4. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Supervisão científica A supervisão das atividades será assegurada pelo investigador principal Álvaro Manuel de Araújo da Cunha Vale e Azevedo do Núcleo de Economia, Gestão e Tecnologia da Construção do Departamento de Edifícios do LNEC. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 2.085,00 e um subsídio diário de alimentação no montante de ? 4,77. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção De acordo com o regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, os métodos de seleção basear-se-ão na avaliação curricular e na entrevista de seleção; os critérios de seleção serão o mérito científico e a motivação demonstrados no decurso da aplicação dos métodos de seleção. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Carlos Alberto de Brito Pina, investigador coordenador; Vogais efetivos: Jorge Manuel Grandão Lopes, investigador principal; Álvaro Manuel de Araújo da Cunha Vale e Azevedo, investigador principal; Maria Helena Veríssimo Colaço Alegre, investigadora principal com habilitação; João Carlos Godinho Viegas, investigador principal com habilitação. 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Documentos comprovativos de que o candidato reúne as condições exigíveis para o respetivo tipo de bolsa, nomeadamente certificado (ou fotocópia simples) comprovativo do doutoramento e das classificações em todas as disciplinas da licenciatura e do mestrado ou pós-graduação, e uma cópia dos trabalhos científicos relevantes. - Curriculum vitae detalhado, que deverá evidenciar a experiência nas áreas de trabalho acima mencionadas, bem como enunciar os interesses pessoais de investigação nessas áreas. - Formulário aplicável a retirar da área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou a solicitar na Direção de Serviços de Recursos Humanos e Logística do LNEC, no horário normal de expediente (das 9:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30); - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados. 12. Receção das candidaturas A receção de candidaturas decorre entre 15 e 26 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas deverão obrigatoriamente ser entregues em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa LNEC de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção?, diretamente no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, no Setor de Arquivo e Expediente Geral, sito na Avenida do Brasil, 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso contando para efeitos do cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao prazo limite para: recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através do telefone 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção


Lisboa, Lisboa (pt)

Laboratório Nacional de Engenharia Civil, I.P.

Anunciado no site Trabajando.com.br - , encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia AVISO BOLSAS LNEC DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA - Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção? Nos termos de Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, publicado no Diário da República nº 58, II Série, de 9 de Março de 2004 (Aviso nº 3089/2004), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma Bolsa de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será uma bolsa de Pós-doutoramento, conforme referido no artigo 7º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 2. Duração A bolsa terá a duração de 1 ano eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei nº 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto lei nº 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 9 de julho, e no artigo 31º do Regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica. 4. Objeto de atividade O bolseiro terá a oportunidade de atualizar a sua formação científica e adquirir ou consolidar a sua formação tecnológica, através da participação em projetos de investigação e desenvolvimento, completada pela intervenção noutras atividades científicas e técnicas, de acordo com o nº 1 do artigo 7º do citado Regulamento, designadamente em atividades de I&D no âmbito da economia e gestão da construção. Salientam-se em particular os estudos de análises técnico-económicas baseados no conceito do custo do ciclo de vida de empreendimenetos da construção, bem como o apoio a atividades relacionadas com o desenvolvimento de bases de dados de custos das diversas fases do ciclo de vida (construção, operação, manutenção, reparação, substituição, reabilitação, consumos de energia e de água, descontrução, reciclagem e eliminação final) com indicadores económicos de referência, que promovam estratégias de benchmarking e que permitam apoiar processos de tomada de decisão sobre investimentos futuros. 5. Local de trabalho As atividades inseridas no âmbito da bolsa serão realizadas nas instalações do LNEC, na Av. do Brasil, em Lisboa, sem prejuízo de deslocações temporárias no País. 6. Perfil dos candidatos Poderão candidatar-se indivíduos doutorados em Engenharia Civil. São condições de preferência a experiência de investigação em análises do custo do ciclo de vida integradas na atividade de gestão de edifícios e em estudos nos domínios referidos em 4. Os candidatos que tenham obtido a habilitação académica exigida neste concurso em universidades estrangeiras, deverão apresentar documento comprovativo do reconhecimento desse grau aos concedidos pelas universidades portuguesas nos termos do Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, e da Portaria nº 33/2019, de 25 de janeiro. 7. Supervisão científica A supervisão das atividades será assegurada pelo investigador principal Álvaro Manuel de Araújo da Cunha Vale e Azevedo do Núcleo de Economia, Gestão e Tecnologia da Construção do Departamento de Edifícios do LNEC. 8. Subsídio mensal de manutenção A bolsa compreende um subsídio mensal de manutenção no montante de ? 2.085,00 e um subsídio diário de alimentação no montante de ? 4,77. O bolseiro beneficia ainda de um regime próprio de segurança social e de um seguro contra acidentes pessoais nas atividades desenvolvidas. 9. Métodos e critérios de seleção De acordo com o regulamento das Bolsas LNEC de Investigação Científica, os métodos de seleção basear-se-ão na avaliação curricular e na entrevista de seleção; os critérios de seleção serão o mérito científico e a motivação demonstrados no decurso da aplicação dos métodos de seleção. O júri poderá não atribuir a bolsa se a qualidade dos candidatos for inferior à requerida. 10. Composição do júri de seleção O júri de seleção será constituído pelos seguintes elementos: Presidente: Carlos Alberto de Brito Pina, investigador coordenador; Vogais efetivos: Jorge Manuel Grandão Lopes, investigador principal; Álvaro Manuel de Araújo da Cunha Vale e Azevedo, investigador principal; Maria Helena Veríssimo Colaço Alegre, investigadora principal com habilitação; João Carlos Godinho Viegas, investigador principal com habilitação. 11. Documentos de candidatura - Carta de motivação (máximo: uma página A4). - Documentos comprovativos de que o candidato reúne as condições exigíveis para o respetivo tipo de bolsa, nomeadamente certificado (ou fotocópia simples) comprovativo do doutoramento e das classificações em todas as disciplinas da licenciatura e do mestrado ou pós-graduação, e uma cópia dos trabalhos científicos relevantes. - Curriculum vitae detalhado, que deverá evidenciar a experiência nas áreas de trabalho acima mencionadas, bem como enunciar os interesses pessoais de investigação nessas áreas. - Formulário aplicável a retirar da área de Recrutamento da página eletrónica do LNEC ou a solicitar na Direção de Serviços de Recursos Humanos e Logística do LNEC, no horário normal de expediente (das 9:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30); - Documentos adicionais (com caráter facultativo), tais como cartas de referência e documentos comprovativos de estágios ou cursos complementares realizados. 12. Receção das candidaturas A receção de candidaturas decorre entre 15 e 26 de julho de 2019. 13. Formalização de candidaturas As candidaturas deverão obrigatoriamente ser entregues em envelope fechado, devidamente identificado como ?Concurso para atribuição de uma Bolsa LNEC de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção?, diretamente no Laboratório Nacional de Engenharia Civil, no Setor de Arquivo e Expediente Geral, sito na Avenida do Brasil, 101, 1700-066 Lisboa, ou enviadas por correio registado para o mesmo endereço postal, nas mesmas condições, devendo neste caso ser expedidas até ao termo do prazo fixado nos termos deste aviso contando para efeitos do cumprimento do prazo a data do carimbo dos CTT. Podem ainda ser enviadas por correio eletrónico até ao prazo limite para: recrutamentoarrobalnec.pt. 14. Notificação dos resultados Os resultados finais de cada fase de avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados por via eletrónica. Os mesmos resultados serão ainda divulgados na página eletrónica do LNEC / área de Recrutamento. 15. Informações Qualquer informação complementar poderá ser solicitada através do telefone 218 443 892 ou 218 443 216 ou por correio eletrónico para o endereço referido em 13. Candidatos não residentes em Portugal poderão também encontrar informações úteis no portal ERAcareers.

Vagas de Bolsa LNEC de Pós-doutoramento na área científica de Economia e Gestão da Construção

Publicidade
Os anúncios acima são o resultado da busca por:

Vagas de Emprego Concursos

  Avaliação: 3.0 de 5
baseado em 1 interações.


AVISO CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE BOLSA DE GESTÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (BGCT) Nos termos do Regulamento das Bolsas da Fundação de Ciência e Tecnologia (FCT), e tendo em conta a aplicação do Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro, e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, encontra-se aberto concurso para atribuição de uma bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT), nas seguintes condições: 1. Tipo de bolsa A bolsa a conceder será Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia (BGCT) para licenciado ou mestre, tal como definido no artigo 9.º do Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT. 2. Duração A bolsa terá a duração de 12 meses, eventualmente renovável por períodos de tempo a determinar, até ao limite máximo de 6 anos. 3. Regime de atividade O trabalho decorrerá em regime de dedicação exclusiva, conforme estabelecido no Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, alterado e republicado em anexo ao Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e com as alterações introduzidas pela Lei n.º 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei n.º 89/2013, de 9 de julho, e no Regulamento das Bolsas de Investigação da FCT...